Governo Federal divulga concurso das mulheres rurais em Santa Catarina

mdascmulheres

A Delegacia Federal do Desenvolvimento Agrário de Santa Cataria (DFDA-SC), representante da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) no estado, participou da última reunião do Fórum Estadual de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres do Campo e da Floresta, realizada no final do mês de julho.

Na ocasião, a delegada substituta do DFDA-SC, Keliane de Freitas, apresentou o Concurso vozes, imagens, historias e experiências das mulheres rurais, iniciativa da campanha#Mulheresrurais, mulheres com direitos. As inscrições para o Concurso se encerram no próximo dia 15 de agosto. 

Segundo Keliane, é importante dar visibilidade ao trabalho daquelas que lutam pelos direitos como mulheres rurais. “Isso fortalece o protagonismo das nossas agricultoras familiares”, afirmou a delegada, ressaltando que a Sead busca apoiar o empoderamento das mulheres que trabalham no campo, nas águas e nas florestas por meio de políticas e programas. "Temos uma linha de crédito dentro do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) específica para mulheres, que é o Pronaf Mulher. A linha é mais uma oportunidade de garantir às agricultoras familiares brasileiras mais renda e mais autonomia”.

A representante da Sead em Santa Catarina explicou, ainda, outras políticas diferenciadas que a Sead executa para as mulheres. “Para os serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), por exemplo, além das chamadas específicas para mulheres, há chamadas com a exigência de que, no mínimo, 30% do público atendido seja composto por mulheres, além da disponibilização de espaço de recreação”, disse Keliane, completando que muitas mulheres não participam de um curso, por exemplo, por não ter onde deixar as crianças, por isso a importância de ter um espaço recreativo para os filhos, enquanto as mães participam das ações, garantindo a inclusão das mulheres nas atividades. Outra possibilidade das chamadas de Ater é ter 30% da equipe técnica composta por mulheres.

A reunião

O Fórum Estadual de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres do Campo e da Floresta discutiu, entre outras coisas, a importância e a necessidade da assinatura de um novo pacto nacional de enfrentamento à violência contra as mulheres. As atividades foram apresentadas pela coordenadora estadual da Mulher da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação de Santa Catarina, Aretusa Larroyd, que relatou os avanços no trabalho do programa federal Mulher, Viver sem Violência por meio dos ônibus lilás, que levam às comunidades rurais, assentamentos de reforma agrária e localidades mais distantes e vulneráveis informações para enfrentamento da violência contra a mulher.

#Mulheresrurais, mulheres com direitos

A campanha internacional #MujeresRurales, mujeres con derechos é uma iniciativa organizada pela Reunião Especializada em Agricultura Familiar no Mercosul (Reaf), a Unidad para el Cambio Rural (UCAR) da Argentina, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e, no Brasil, pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário (Sead), sob a tradução #MulheresRurais, mulheres com direitos.
 
A inciativa abrange a América Latina e o Caribe com ações que, este ano, começaram em março e seguem até novembro, trazendo como temática os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estabelecidos pela ONU. Em 2016, a campanha compartilhou mais de 120 experiências de 15 países.Fonte:Valéria Araújo
Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário-Assessoria de Comunicação

 

Mais informações: imprensa@mda.gov.br

Secretaria Executiva Estadual do SC Rural – (48) 3664 4307
Endereço eletrônico: imprensa@microbacias.sc.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>