Cooperconquista tem apoio do SC Rural na agroindústria para hortaliças minimamente processadas

garuvaagroindustriaFACE

O fortalecimento e a organização da produção de hortifrutigranjeiros foram os motivos que levaram as famílias do assentamento Conquista Litoral, localizado município de Garuva, norte de Santa Catarina a constituírem, no dia 20 de julho de 2013, a Cooperativa de Produção Agropecuária Conquista – Cooperconquista.

garuvaagroindustria

O assentamento Conquista Litoral sempre foi destaque pela sua elevada produção de frutas, legumes e verduras. Mesmo estando localizado numa área de mata atlântica, o que exige a preservação de 80% dos 93 hectares que compõem o assentamento.

Na época, a presidente da Cooperconquista, Noemi Teresinha Brunetto, disse que, a criação da cooperativa não visava concorrer com as demais entidades associativas de assentados que atuam na região, mas trabalhar em forma de parceria.

"O que nos levou à criação da cooperativa foram necessidades específicas dos nossos associados, como a emissão de notas fiscais e abastecimento dos mercados locais".

A cooperativa visa a coordenação da produção agropecuária dos associados e a organização da comercialização de produtos agrícolas ou industrializados por meio de estabelecimentos próprios, mercados institucionais e supermercados e feiras da região.

garuvaagroindustriaFACE4

Buscando melhoria e manutenção da qualidade de hortaliças com agregação de valor, a cooperativa contou com o apoio do Programa SC Rural para a construção de uma agroindústria para hortaliças minimamente processadas

Segundo o Gerente Regional da Epagri em Joinville, engenheiro agrônomo Hector Silvio Haverroth, a cooperativa precisava investir na profissionalização da produção de alimentos, aquisição de equipamentos, na humanização do trabalho de seleção, descasque e higienização das hortaliças, ter equipamentos para maior tempo de conservação das hortaliças minimamente processadas para escalonamento de comercialização da matéria-prima, consolidar o programa de rastreabilidade da produção atendendo exigência do mercado e assegurar a participação coletiva dos associados na produção e comercialização de olerícolas.

“Todas essas necessidades e objetivos foram apresentadas pela Cooperconquista, no projeto estruturante que técnicos da Epagri ajudaram a elaborar e apresentar ao Programa SC Rural para financiamento de parte dos custos da construção da agroindústria, o que foi conseguido”, destaca o agrônomo da Epagri.

A meta prevista, com a instalação da agroindústria, era processar 50% da quantidade de hortaliças, em torno de 262.170 (unidades/maços/kilo)/ano de 19 (dezenove) variedades diferentes de hortaliças próprias do grupo, no primeiro ano, chegando a aumentar em 20% no terceiro ano, entre quantidades próprias e adquiridas.

O apoio do SC Rural e de outras instituições parceiras foram fundamentais e hoje, além da melhoria e manutenção da qualidade de hortaliças com agregação de valor, a Cooperconquista é exemplo para as demais.

“As famílias envolvidas tornaram a Cooperconquista, um modelo de cooperativismo de sucesso. O modelo de gestão é exemplar e o potencial crescimento da cooperativa e a representatividade na produção agrícola regional é grande”, ressalta o engenheiro agrônomo André Ricardo Poletto, gerente técnico da SC Rural.

Hoje, a gestão social da cooperativa já conta com a parceria do Conselho Municipal de Desenvolvimento Regional, do Conselho de Segurança Alimentar, do Conselho de Saúde, de universidades, além da Prefeitura Municipal de Garuva, do Pronaf e da Epagri.

A cooperativa conquistou o reconhecimento da FAO/ONU (Organização das Nações Unidas), pois além da distribuição de alimentos nos pontos de venda da região, as famílias do assentamento Conquista Litoral desenvolvem uma agricultura para uma alimentação saudável para os estudantes dos município de Garuva e Joinville, em Santa Catarina, e Guaratuba, no estado vizinho do Paraná. O conhecimento dos assentados servirá de exemplo para o projeto de Fortalecimento dos Programas de Alimentação Escolar, marco da Iniciativa América Latina e Caribe sem Fome até 2025. Fonte: Com informações do Incra-SC/Fotos Vanessa Ibrahim/Incra-SC

No endereço: https://www.facebook.com/scrural você pode acompanhar o depoimento da presidente da cooperativa Noemi Teresinha Brunetto.

 

Mais informações: emgaruva@epagri.sc.gov.br

Secretaria Executiva Estadual do SC Rural – (48) 3664 4307
Endereço eletrônico: imprensa@scrural.sc.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>