Iniciou a colheita de arroz em Santa Catarina e Epagri lança cultivar de arroz branco

  jacintomachadoarroz jacintomachadoarroz2

Segundo maior produtor nacional de arroz, o Estado espera uma safra de 1,1 milhão de toneladas em 143 mil hectares plantados. O secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Ricardo de Gouvêa, e a presidente da Epagri, Edilene Steinwandter, participaram da abertura oficial da colheita de arroz, na terça-feira (6), durante o Campo Agro Acelerador da Cooperja, em Jacinto Machado.

A expectativa é de que a produção catarinense seja 2,2% menor em relação à safra 2017/18 – lembrando, que as safras anteriores estiveram bem acima da média.

O arroz se tornou ainda um importante item da pauta de exportações de Santa Catarina. No último ano, o estado embarcou 83,9 mil toneladas de arroz e derivados.Esse volume equivale a US$ 24,7 milhões. Os principais mercados para o arroz Catarinense são: Venezuela, Africa do Sul e Trinidad e Tobago.

 

Cultivar SCS124 Sardo 

arroz sardo 1

Na ocasião, a Epagri lançou seu primeiro cultivar voltado para o mercado de arroz branco. O SCS124 Sardo tem características que vão agradar os produtores, a indústria e os consumidores. Ele reúne boa produtividade (média de 8.754kg/ha), ciclo médio, bom aspecto na prateleira, bom desempenho na panela e ótimo sabor. O lançamento será realizado na abertura da safra do arroz em Jacinto Machado, no Campo Demonstrativo Coperja.

O arroz SCS124 Sardo é classificado como longo-fino, tem excelente relação comprimento-largura do grão e suas plantas possuem resistência média à brusone. “Ele é recomendado para todas as regiões produtoras de arroz irrigado de Santa Catarina, podendo também ser cultivado em outras regiões do Brasil mediante realização de ensaios de Valor de Cultivo e Uso”, explica Alexander de Andrade, coordenador da equipe de pesquisa em arroz na Estação Experimental de Itajaí.  

Por ser branco, o SCS124 Sardo será mais uma opção para os produtores catarinenses oferecerem às indústrias de beneficiamento. Hoje, cerca de 76% do arroz beneficiado em Santa Catarina é colhido no Estado e a maior parte é voltada para a parboilização. Da parcela restante, importada do Rio Grande do Sul e do Mercosul, a maior parte é de arroz branco. “Com o lançamento desse cultivar, as indústrias aqui do Estado vão precisar importar menos grãos para produzir arroz branco”, diz Alexander.

Esse é o 32º cultivar de arroz irrigado desenvolvido e lançado pela Epagri e o 24º desenvolvido para Santa Catarina. A denominação é uma homenagem à família Sardo, que atuou na equipe de pesquisa em arroz da Epagri e na Estação Experimental de Itajaí por várias gerações. O lançamento é resultado de 14 de anos de trabalho, iniciados com os primeiros cruzamentos na safra 2005/06.

Embora seja destinado ao mercado de grão branco, o Sardo é adequado ao processo de parboilização, com a recomendação de que seja beneficiado separado de outros cultivares. O cultivar foi testado quanto ao comportamento industrial no Laboratório de Pós-Colheita, Industrialização e Qualidade de Grãos da UFPel – LabGrãos, e considerado compatível com esse processo. 

arroz sardo 2

Os grãos também foram analisados na Estação Experimental de Itajaí e na Embrapa (CNPAF). “O SCS124 Sardo apresentou excelente desempenho sensorial e culinário para arroz branco, comparável com os cultivares de referência do mercado”, destaca Alexander.           

Safra e mercado

De acordo com Gláucia Padrão, economista do Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri/Cepa), a expectativa é que os produtores de arroz catarinenses tenham uma boa colheita na safra 2018/19. “Será uma safra considerada normal. A previsão é que seja menor que as duas últimas, pois elas estiveram bem acima da média”, explica. De acordo com a estimativa, os catarinenses devem colher cerca de 1,156 milhão de toneladas em 143,3 mil hectares, contra 1,188 milhão de toneladas em 146,9 mil hectares da safra anterior (2017/18).

 Sementes

As sementes do SCS124 Sardo estarão disponíveis para os agricultores na safra 2019/20. Para mais informações sobre a disponibilidade desse material, é preciso entrar em contato com a Associação dos Produtores de Sementes de Arroz Irrigado (acapsa@acapsa.com.br ouwww.acapsa.com.br). 

 

Mais informações: Epagri/Estação Experimental de Itajaí – alexanderandrade@epagri.sc.gov.br

Secretaria Executiva Estadual do SC Rural – (48) 3664 4309
Endereço eletrônico: imprensa@scrural.sc.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>